Eventos

Mais Eventos

PÚBLICO: INSCRIÇÕES PARA O LABORATÓRIO DE AUTOCONSTRUÇÃO “LUGAR DE PARTILHA”

INSCRIÇÕES ABERTAS 
Laboratório de AutoConstrução no Conjunto Habitacional da Guarda, Perafita, Matosinhos
28 de julho a 10 de agosto de 2018
com
Roberto Cremascoli
Edison Okumura
Ivo Poças Martins
Dulcineia dos Santos

 

PÚBLICO: ABERTAS 10 VAGAS PARA LABORATÓRIO DE AUTOCONSTRUÇÃO
Ainda decorre o período de inscrições para O Laboratório de Autoconstrução “Lugar de Partilha” no Conjunto Habitacional da Guarda, em Perafita, Matosinhos, para 10 participantes, a decorrer de 28 de julho a 10 de agosto.

 

Aos participantes é oferecido almoço, alojamento e deslocação para o Conjunto Habitacional da Guarda, nos casos em que tal se justifique.
Para fidelização das inscrições será aplicada uma taxa de inscrição de 50€. Clique aqui para se inscrever.

 

Este projeto pretende dotar o espaço interior do Conjunto Habitacional da Guarda de uma ou mais pequenas estruturas /equipamento que estarão ao serviço de toda a comunidade de Perafita. O objetivo é que este seja o ponto de partida para a requalificação total do espaço envolvente do C.H. da Guarda.

 

São parceiros da Casa da Arquitectura para este projeto, a Câmara Municipal de Matosinhos, a MatosinhosHabit e a União de Freguesias de Perafita, Lavra e Santa Cruz do Bispo e inúmeras Coletividades e Associações Locais . O projeto conta ainda com o apoio da J.P. Leitão, a CIN e HILTI, entre outros.

 

A EDIÇÃO 2017
Em 2017, o programa organizado pela Casa da Arquitectura, e com curadoria de Roberto Cremascoli, intitulado “O Lugar de Partilha”, um laboratório de autoconstrução destinado a criar uma estrutura de apoio à comunidade local, desenrolou-se no Bairro das Campinas, no Porto. Participaram no laboratório para cima de 20 estudantes e arquitetos de todo o mundo que, em conjunto com os residentes do bairro, durante duas semanas, construíram três estruturas para a comunidade: o Bicho, o Teatrinho e o Fogo.

 

O local de implementação de “O Lugar de Partilha”, localizado entre quatro blocos de habitação e utilizado pelos residentes sobretudo durante as festividades de São João, apresentava “caminhos desenhados” pelos moradores, marcas do tempo que foram o ponto de partida para a definição do programa e da implantação de três equipamentos pensados sobretudo para as crianças e para ser apoio para a organização de festas na rua.

 

“Bicho”, uma espécie de playground, um parque infantil que se desenvolve no terreno ao longo de 27 metros. Corre entre as árvores. É um banco para sentar que, de repente, se transforma em mesa de jogos, torna-se um apoio para descansar ou simplesmente um ponto para observar a paisagem urbana envolvente. Foi construído em barrotes de madeira de 7x7cm e pontualmente revestidos com tábuas maciças de 2,5cm em madeira.

 

“Teatrinho” é um coreto que se eleva, destacando-se levemente do terreno. Tem uma área de implantação de 5x5m e uma altura máxima de 6 metros. Também foi construído com estrutura em vigas e pilares de madeira 10x10cm. “Fogo” é um jogo circular, colocado à volta do local onde a tradicional fogueira de São João é realizada todos os anos para celebrar o santo.

 

Se necessitar de mais informação, contacte info@casadaarquitectura.pt