16 dezembro 2023

Guilherme Wisnik fala sobre Paulo Mendes da Rocha no espaço da exposição

O arquiteto, docente e autor Guilherme Wisnik, vai fazer, no próximo dia 16 de dezembro, às 15h00, no espaço da Exposição “Geografias Construídas: Paulo Mendes da Rocha”, uma palestra dedicada ao tema “Paulo Mendes da Rocha: a política do discurso”. A entrada é gratuita, sujeita à lotação do espaço.
Grande amigo de Paulo Mendes da Rocha, o co-curador da Exposição “Infinito Vão - 90 Anos de Arquitetura Brasileira” que esteve patente na Casa da Arquitectura até setembro 2019, irá criar uma bissetriz entre a obra e a pessoa do Pritzker brasileiro, ligando as duas mostras patentes: na nave expositiva, a mostra relativa aos 70 anos de trabalho; e na Galeria da Casa, uma abordagem da pessoa e do humanista.

Guilherme Wisnik (1972) é professor Livre-Docente na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, instituição na qual é Vice-Diretor (2023-2026).

Autor de livros como Lucio Costa (Cosac Naify, 2001), Estado crítico: à deriva nas cidades (Publifolha, 2009), Espaço em obra: cidade, arte, arquitetura (Edições Sesc SP, 2018), Dentro do nevoeiro: arte, arquitetura e tecnologia contemporâneas (Ubu, 2018) e Lançar mundos no mundo: Caetano Veloso e o Brasil (Fósforo, 2022).

Recebeu o prémio “Destaque 2018” da Associação Brasileira de Críticos de Arte (ABCA) em 2019. Publicou ensaios em diversos livros e revistas nacionais e internacionais, tais como Cahiers d’Art, Artforum, Architectural Design, Architectural Review, Domus, Arquitectura Viva, AV Monografías, 2G, Rassegna, Arch +, Baumeister, JA – Jornal Arquitectos, Urban China, Ars, Novos Estudos Cebrap, Plot e Monolito.

Foi curador de exposições como o projeto de Arte Pública Margem (Itaú Cultural, 2008-10), Ocupação Cildo Meireles: rio oir (Itaú Cultural, 2011), Paulo Mendes da Rocha: a natureza como projeto (Museu Vale, 2012), São Paulo: três ensaios visuais (Instituto Moreira Salles, 2017), Ocupação Paulo Mendes da Rocha (Itaú Cultural, 2018), Conversas na praça: o urbanismo de Jorge Wilheim (Sesc Consolação, 2019), Infinito vão: 90 anos de arquitetura brasileira (Casa da Arquitectura de Portugal, 2018), 22 em campo: futebol e modernismo no Brasil (Museu do Futebol, 2022) e Paisagem construída: São Paulo e Burle Marx (Galeria Fiesp, 2022). Foi o Curador-Geral da 10a Bienal de Arquitetura de São Paulo (Instituto de Arquitetos do Brasil, 2013), e do Pavilhão do Brasil na Expo 2020 em Dubai (2021).

Documentos para download

Parceiro Institucional
Institucional Partner

Parceiro Institucional<br>Institucional Partner

Rede Portuguesa de arte contemporânea
Portuguese contemporary art network

Rede Portuguesa de arte contemporânea<br>Portuguese contemporary art network

 
 

 <br> 

Parceiro Estratégico
Strategic Partner

Parceiro Estratégico<br>Strategic Partner

Mecenas Principal
Main Patron

Mecenas Principal<br>Main Patron

Mecenas
Patron

Mecenas<br>Patron

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

 
 

 <br> 

Parceiro Media
Media Partner

Parceiro Media<br>Media Partner

Transporte Oficial
Official Transport

Transporte Oficial<br>Official Transport

Fotografia Oficial
Official Photography

Fotografia Oficial<br>Official Photography

 
 

 <br> 

Cofinanciado por
Co-founded by

Cofinanciado por<br>Co-founded by

 
 

 <br> 

 
 

 <br>